Este blog nasceu porque gosto muito de cozinhar e sou uma coleccionadora de livros de receitas. Espero com o tempo vir a partilhar convosco algumas das minhas experiências de pratos salgados e doces.
Novembro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
12
17
18
20
21
23
27
28
29
subscrever feeds
Posts mais comentados
02
Nov
10

 Este pão escandinavo, ligeiramente doce, era feito especialmente para dias de festa, nomeadamente na altura do Natal. Tem uma massa muito leve, tipo bolo rei (daqueles muito fofos). É ideal para acompanhar com chá ou para o pequeno almoço.

 

 

 

INGREDIENTES:

450 gr de farinha

6 colheres de sopa de margarina

50 gr de açucar

2 ovos

raspa de limão

1/2 pacote de fermento fermipan

5 colheres de sopa de leite

1/2 colher de chá de essência de baunilha

1 colher de café de sal

50 gr de frutos secos

100 gr de fruta cristalizada

1 clara de ovo para a cobertura

2 colheres de chá de água

 

PREPARAÇÃO:

Na cuba da MFP colocar os ovos, o sal, a margarina, o leite,a essência de baunilha,o açucar, a farinha, e o fermento. Ligue a máquina no programa massa, e deixe terminar o ciclo. Na pedra enfarinhada estique a massa com o rolo dando-lhe a forma de um rectângulo, espalhe por cima metade da fruta cristalizada e frutos secos. Dobre os lados do rectângulo em direcção ao centro e, em seguida ao meio, para que os frutos fiquem envolvidos. Volte a esticar a massa  e a dar-lhe de novo a forma de rectângulo e espalhe o resto dos frutos. Dobre suavemente e, coloque na forma forrada com papel vegetal . Deixe levedar 1 hora (eu deixei de um dia para o outro, cresceu tanto que ficou maior que a forma).

 

 

Pincele com a clara de ovo batida com as 2 colheres de sopa de água e polvilhe com açucar e canela.

Vai o forno pré-aquecido a 180º durante 45 a 50 minutos.

  

 

 Receita retirada do Manual Enciclopédico do pão caseiro de Christine Ingram e Jennie Shapter.

 

 

 

 

 

 

 

 

publicado por canelanacozinha às 08:47
01
Nov
10

 

O bacalhau encontra-se na lista das espécies em vias de extinção. Um relatório publicado há tempos, informou que a sua captura diminuiu cerca de 70 por cento nos últimos 30 anos, devido à dificuldade em encontrá-lo nos Oceanos, prevenindo que os stocks mundiais poderão desaparecer dentro de 15 anos .

Para quem, como eu, que o adora cozido, assado ou frito, vai ser uma perda muito grande! Aproveitemos enquanto ainda há!

 

Tenho várias receitas de bacalhau com natas, hoje vou publicar  esta que é com batatas fritas aos cubos.

 

INGREDIENTES:

4 boas postas de bacalhau demolhadas em leite

1 cebola grande

2 dentes de alho

700 gr de batatas

1,5 dl azeite

50 gr margarina

2 colheres sopa de farinha

 

PREPARAÇÃO: 

Cozer o bacalhau no leite onde esteve a demolhar (demolhar primeiro em água, para perder a maior parte do sal), depois de cozido, desfiar em lascas.

Faça um molho béchamel. Derreta a margarina, junte a farinha deixe cozer e junte o leite onde demolhou o bacalhau, vá mexendo com vara de arames para não ganhar grumos.

Levar a cebola cortada finamente a refogar no azeite, quando começar a ficar transparente juntar o bacalhau lascado, mexa, junte um pouco de bechamel.

Corte as batatas em cubos e frite-as em óleo deixando-as moles. Deite metade no tabuleiro, tape com o bacalhau, junte outra camada de batatas e por fim o resto do bechamel, misturado com um pacote de natas (eu costumo usar natas de soja do pingo doce) e polvilhado com queijo ralado. Vai ao forno a gratinar.

 

publicado por canelanacozinha às 08:33
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Boa noite. Fiz geleia e já passaram 6 dias e ainda...
Penso que também dá.
Olá, não dá mesmo para fazer com massa filo!Já a c...
Eu diria melhor:todo o "cozido de grão" é rematado...
Mas que bom. Gastronomia á Portuguesa no seu melho...
Água na boca. Delicioso.
esse prato também é conhecido por "jantarinho alen...
no alentejo é servido com mais caldo. tipo sopa...
Decididamente tinha ÁGUA a MAIS!
É delicioso estão me sempre a pedir para fazer !!!...
blogs SAPO